Tenha cuidado

Proteja a si mesmo e as pessoas ao seu redor conhecendo os fatos e tomando as precauções apropriadas.
Siga os conselhos da autoridade local de saúde.
Caso sinta os sintomas, ligue com antecedência para o ​órgão de saúde e peça direcionamento à unidade mais adequada.
Isso protege você e evita a propagação de vírus e outras infecções.

Atualizado em 22/05/2021 às 22:12

Plataforma de dados Covid-19 em Forquilha - CE
Fontes de dados: Governo Federal, Estadual e Municipal

Proteja-se

A melhor coisa que você pode fazer agora é planejar como poderá adaptar sua rotina diária. Tome algumas medidas para se proteger, pois limpe as mãos com frequência, evite contato próximo, cubra tosses e espirros, limpe as superfícies usadas diariamente, etc. A melhor maneira de prevenir doenças é evitar a exposição a este vírus.


O QUE NÃO FAZER E O QUE FAZER

Evite contato próximo

Evite contato próximo

Evite contato próximo com outras pessoas, principalmente idosos e doentes crônicos.

Não toque no rosto

Não toque no rosto

O hábito de tocar o rosto constantemente pode trazer riscos de contaminação por coronavírus e outras doenças

Distanciamento social

Distanciamento social

O distanciamento social é uma das medidas mais importantes e eficazes para reduzir o avanço da pandemia do coronavírus.

Lave as mãos

Lave as mãos

Lave bem suas mãos com água e sabão, ou então higienize com álcool em gel 70%.

Mantenha os ambientes  bem ventilados

Mantenha os ambientes bem ventilados

Manter o ambiente doméstico e de trabalho limpo e seguro é fundamental para evitar a propagação do coronavírus.

Usar máscara facial

Usar máscara facial

Recomenda-se a utilização de máscaras em todos os ambientes. As máscaras de tecido (caseiras/artesanais).

Sintomas do coronavírus

Os sintomas da COVID-19 podem variar de um resfriado, a uma Síndrome Gripal-SG (presença de um quadro respiratório agudo, caracterizado por, pelo menos dois dos seguintes sintomas: sensação febril ou febre associada a dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza) até uma pneumonia severa. Sendo os sintomas mais comuns:

Tosse seca

Tosse seca

Tosse contínua por mais de uma hora, ou 3 ou mais episódios de tosse em 24 horas. Se você costuma ter tosse, pode ser pior do que o normal.

Dor de garganta

Dor de garganta

Idosos e aqueles com problemas médicos subjacentes, como hipertensão, problemas cardíacos e pulmonares, diabetes ou câncer.

Dificuldade respiratória

Dificuldade respiratória

Pessoas de todas as idades que apresentam febre e / ou tosse associada a dificuldade para respirar / falta de ar.

Febre alta

Febre alta

Febre que você sente calor ao tocar no peito ou nas costas (não é necessário medir sua temperatura). Também pode aparecer em 2 a 10 dias.

Dor de cabeça

Dor de cabeça

A dor de cabeça é um sintoma importante, dizem os especialistas. Não se fixe em relaxamento, mas saiba que é realmente perigoso até que sua dor de cabeça atinja o máximo.

Vômito

Vômito

Cerca de 1 em cada 6 pessoas que pegam COVID-19 fica gravemente doente e desenvolve dificuldades, causa enjôo e vômitos.

NOTÍCIAS SOBRE CORONAVÍRUS

A Guarda Municipal e a Vigilância Sanitária de Forquilha realizaram hoje, (19/04), a fiscalização do cumprimento do novo Decreto Municipal
Estudo com 3,8 milhões de vacinados mostra eficácia da Sputnik V em 97,6%

PERGUNTAS FREQUENTES

Aqui você encontrará as respostas para suas perguntas mais frequentes

1. O QUE É O NOVO VÍRUS CORONA?

Os coronavírus são uma grande família de vírus que podem causar doenças em animais ou humanos. Em humanos, vários coronavírus são conhecidos por causar infecções respiratórias que vão desde o resfriado comum até doenças mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença por coronavírus COVID-19.

2. O QUE É COVID-19?

COVID-19 é a doença infecciosa causada pelo coronavírus descoberto mais recentemente. Este novo vírus e doença eram desconhecidos antes do início do surto em Wuhan, China, em dezembro de 2019.

3. O QUE É QUARENTENA?

Separa e restringe o movimento de pessoas que foram expostas a uma doença contagiosa para ver se elas adoecem. Essas pessoas podem ter sido expostas a uma doença e não saberem, ou podem ter a doença, mas não apresentam s

4. O QUE É ISOLAMENTO?

A separação de uma pessoa ou grupo de pessoas conhecidas ou razoavelmente consideradas infectadas com uma doença transmissível e potencialmente infecciosa daqueles que não estão infectados para prevenir a propagação da doença transmissível. O isolamento para fins de saúde pública pode ser voluntário ou obrigatório por ordem de saúde pública federal, estadual ou local.

5. QUAIS SÃO OS SINTOMAS DA COVID-19?

Os sintomas mais comuns da COVID-19 são febre, cansaço e tosse seca. Alguns pacientes podem sentir dores, congestão nasal, coriza, dor de garganta ou diarreia. Esses sintomas são geralmente leves e começam gradualmente. Algumas pessoas ficam infectadas, mas não desenvolvem nenhum sintoma e não se sentem mal. A maioria das pessoas (cerca de 80%) se recupera da doença sem precisar de tratamento especial. Cerca de 1 em cada 6 pessoas que pegam COVID-19 fica gravemente doente e desenvolve dificuldade para respirar. Os idosos e aqueles com problemas médicos subjacentes, como hipertensão, problemas cardíacos ou diabetes, têm maior probabilidade de desenvolver doenças graves. Pessoas com febre, tosse e dificuldade respiratória devem procurar atendimento médico.

6. EXISTE TRATAMENTO PARA A DOENÇA CORONAVÍRUS (COVID-19)?

Não existe um medicamento específico para prevenir ou tratar a doença coronavírus (COVID-19). As pessoas podem precisar de cuidados de suporte para ajudá-las a respirar.

6. HÁ ALGO QUE EU NÃO DEVO FAZER?

As seguintes medidas NÃO SÃO eficazes contra o COVID-2019 e podem ser prejudiciais: Fumar, usar várias máscaras. Em qualquer caso, se você tiver febre, tosse e dificuldade para respirar, procure atendimento médico com antecedência para reduzir o risco de desenvolver uma infecção mais grave e certifique-se de compartilhar seu histórico de viagens recentes com seu médico.

7. A ORIGEM DO CORONAVÍRUS QUE CAUSA COVID-19 É CONHECIDA?

Atualmente, a fonte do SARS-CoV-2, o coronavírus (CoV) que causa o COVID-19, é desconhecida. Todas as evidências disponíveis sugerem que o SARS-CoV-2 tem origem animal natural e não é um vírus construído. O vírus SARS-CoV-2 provavelmente tem seu reservatório ecológico em morcegos. O SARS-CoV-2 pertence a um grupo de vírus geneticamente relacionados, que também inclui o SARS-CoV e vários outros CoVs isolados de populações de morcegos. MERS-CoV também pertence a este grupo, mas está menos relacionado.

8. O COVID-19 ESTÁ NO AR?

O vírus que causa o COVID-19 é transmitido principalmente por meio de gotículas geradas quando uma pessoa infectada tosse, espirra ou fala. Essas gotas são muito pesadas para ficarem suspensas no ar. Eles caem rapidamente em pisos ou superfícies. Você pode ser infectado ao inalar o vírus se estiver a 1 metro de uma pessoa com COVID-19, ou ao tocar em uma superfície contaminada e, em seguida, tocar seus olhos, nariz ou boca antes de lavar as mãos.